A doença de Alzheimer se caracteriza pela perda de funções cognitivas (memória, orientação, atenção e linguagem), devido à morte de células cerebrais. Quando diagnosticada no início o seu avanço pode ser controlado, assim como os sintomas, o que gera melhor qualidade de vida ao paciente e sua família. Segundo a Associação Brasileira de Alzheimer, estima-se que existe no mundo cerca de 35,6 milhões de pessoas com a doença e mais de um milhão de casos no Brasil, a maior parte ainda sem diagnóstico.

Última modificação :